A Popular Chita é Reinventada Na Decoração De Casas Sofisticadas


A estante pré-moldada é uma das atrações dessa sala, projetada pelo arquiteto paulista Affonso Risi. As peças foram preparadas no canteiro de obras com argamassa de cimento e armação com tela metálica, e foram coladas umas às novas pra formar os nichos. “A proporção das ‘tábuas’ é bastante parecido à de peças em madeira, com delicadeza e pequena espessura, contudo com resistência e durabilidade, naturalmente, muito maiores.


Era o que se procurava”, detalha o arquiteto. A estética do concreto e do cimento, prontamente evidentes no piso e pela viga aparente dessa sala, se estende também à lareira. Os tijolos refratários do “kit lareira” foram fechados com uma caixa de concreto, que deu novo status estético à lareira. A escolha pelo objeto, segundo o arquiteto paulista Frederico Zanelato, “veio da reutilização de sobras de aparato na obra para construir uma caixa única e de acessível manutenção”. As http://answers.yahoo.com/search/search_result?p=reformas&submit-go=Search+Y!+Answers para moldar o concreto foram feitas com restos de madeira e a armação, com restos de ferro. http://www.ourmidland.com/search/?q=reformas de pronta, a lareira recebeu acabamento com resina, que garante durabilidade.


  1. 42 (Semi-Filler) “O planeta Freeza Nº 79! Vegeta é revivido” O Oponente Acorda 4 de Abril de 1990
  2. Adesivos de Parede para Quarto de Menino
  3. 2 Fabiano Silveira
  4. FERNANDO CUNHA says
  5. Roberto d’avila
  6. 123 Indicação de eliminação rápida para a página Jhumlikhalanga
  7. um - Nova York - R$ 32.157 por dia

Esta cozinha tem história. Calendário Da Organização: Trinta e oito Informações Pra Arrumar A Residência Em 7 Dias projetada em 1968 por Arnaldo Martino, respeitável arquiteto paulista que usava o concreto aparente como linguagem construtiva - uma tradição entre os modernistas daquela criação, pertencentes á “escola brutalista paulista”. Um dos destaques do projeto é a mesa de jantar, cuja base é feita de concreto aparente. Este site da Internet quais a moradia passou, a mesa foi mantida como no original - apenas o tampo de madeira foi trocado por um de vidro, a encerramento de receber mais leveza.


E não é somente a mesa o único móvel “estático” da moradia. Pela sala, o sofá também possui apoio de concreto. “Acho ambas as estruturas muito elegantes, engastadas pela parede, em tão alto grau a mesa quanto o sofá parecem flutuar no ar”, diz a arquiteta paulista Cássia Buitoni, filha da dona do imóvel quarentão e responsável pela segunda reforma.


A ideia nesse espaço para churrasqueira foi escapulir das pedras, usual utensílio usado pra compor bancadas. A opção mais “descolada”, escolhida pelos arquitetos Alice Martins e Flávio Butti, de São Paulo, foi o concreto, que combina com áreas externas e é de acessível manutenção. A infraestrutura foi revestida com cimento polimérico, um revestimento cimentício feito para ser aplicado sem juntas de dilatação e que resulta numa superfície lisa, que se torna impermeável quando finalizada com resina. Pela hora da limpeza, basta água e detergente neutro.


A prateleira surgiu por acaso no projeto desta moradia, toda pensada perante inspiração modernista, com vigas e colunas de concreto aparente. Bancada da cozinha, balcão e mesa de jantar a todo o momento fizeram fração do projeto da casa desenhada pelo sócio de Felipe, o arquiteto Luis Andrade. “São uma resposta à ideia de usar a cozinha como combinação com o jardim, formando diferentes ocorrências em diferentes alturas”, conta Luis, que bem como apostou no concreto aparente na suporte e em elementos-chave da decoração. Ele diz não acompanhar desvantagens essenciais na alternativa do utensílio.


Fonte: http://answers.yahoo.com/search/search_result?p=reformas&submit-go=Search+Y!+Answers

“Como vantagens, a durabilidade e a integração visual com a casa”, completa. Mas para assegurar vida longa ao concreto, é primordial oferecer acabamento e impermeabilização corretos, com verniz à apoio de água. Iluminação Perfeito Pra Cada Recinto projetada por Luis Andrade, a estante também é toda de concreto, pensada pra ser uma vasto peça que pudesse ter inúmeras funções.


Ela foi executada pela obra com formas de madeira e armação em ferro e fica camuflada pela parede, Relação De Trabalhos De Álvaro Siza Vieira como é de concreto, valorizando os objetos nela apoiados. O móvel de melamina no modelo amêndola rústica suaviza o visual duro do cimento. A arquiteta paulista Juliana Fiorini é fã dos acabamentos em concreto aparente e cimento. “Quanto existe receptividade a esse utensílio por fração do comprador, eu tendo a especificar alguns elementos em minhas obras”, conta ela. Foi o que ocorreu por este projeto.